Tite já começa a trabalhar com foco nas Eliminatórias para a Copa do Mundo (Foto: Lucas Figueiredo/MoWa Press)

Tite já começa a trabalhar com foco nas Eliminatórias para a Copa do Mundo (Foto: Lucas Figueiredo/MoWa Press)

Tite já começa a trabalhar com foco nas Eliminatórias para a Copa do Mundo (Foto: Lucas Figueiredo/MoWa Press)

O primeiro jogo da Seleção Brasileira com Tite no comando acontece apenas no próximo dia 2 de setembro, quando a equipe viaja até a altitude de Quito para enfrentar o Equador, vice-líder das Eliminatórias para a Copa do Mundo da Rússia. No entanto, o ex-treinador corintiano já começa a planejar sua equipe, que terá como principal objetivo a classificação para o próximo Mundial.

Uma grande incógnita gira em torno dos onze ideias que deverão entrar em campo contra o Equador em setembro, porém, mais do que isso, há a dúvida se Neymar continuará vestindo a faixa de capitão do time mesmo após seu comportamento polêmico fora dos gramados, chegando, inclusive, a categorizar os críticos da Seleção Brasileira como “um monte de babacas” após a eliminação canarinho na Copa América Centenário, ainda na fase de grupos.

Tite não descartou uma mudança de capitania, porém procurou esclarecer que há vários tipos de lideranças dentro de um elenco e bastará a ele decidir qual tipo será adotado em sua equipe.

“Existem diversos perfis de liderança: a técnica, a comportamental, aquela que consegue externar de forma pública suas ideias. Existem diversas facetas de capitania, aquele que é exemplar no dia a dia, então eu procuro fomentar esse tipo de relação. Quando ganha um ganham todos, a alegria de um é a alegria de todos. Nós precisamos ter senso de equipe, seja ele no clube ou em seleção”, afirmou Tite.

“Não adianta eu querer falar se vai ser assim ou assado. O lado humano potencializa o lado profissional. A única coisa que posso assegurar é que todos, inclusive o Neymar, querem o bem da Seleção. Compete a nós encontrarmos o melhor caminho, buscarmos o melhor caminho e vou começar a trabalhar agora para potencializar esse melhor caminho”, completou.

Tite embarca já nesta terça-feira para os Estados Unidos onde acompanhará a semifinal da Copa América entre Colômbia e Chile. O Brasil irá receber os colombianos no próximo dia 6 de setembro, na Arena Amazonas, em Manaus, e o novo treinador da equipe canarinho quer analisar os rivais in loco.

O post Tite fala sobre lideranças e minimiza polêmicas envolvendo Neymar apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Powered by WPeMatico

Related Posts