O custo de vida na cidade de São Paulo subiu 0,37% em outubro na comparação com o mês anterior. O aumento se deve principalmente aos grupos transporte e habitação. O primeiro teve  aumento de 1,44% no período, puxado pelos reajustes nos preços do álcool e da gasolina. O segundo, subiu 0,73%, influenciado pelo aumento no preço do botijão e do telefone. O índice foi divulgado hoje (8) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

Dentre os dez grupos que compõem o índice, houve aumento em cinco deles (habitação, equipamento doméstico, transporte, saúde e despesas diversas), queda em quatro (alimentação, que caiu apenas -0,01%, vestuário, recreação e despesas pessoais) e um deles se manteve estável no mês (educação e leitura).

Entre janeiro e outubro deste ano, a taxa acumulada foi de 5,73% e, entre novembro do ano passado e outubro deste ano, o acúmulo é de 7,63%.

Powered by WPeMatico

Related Posts